quarta-feira, 27 de agosto de 2008

JUSTIÇA DETERMINA DESTRUIÇÃO DE CDs E DVDs APREENDIDOS

Uma operação montada pela 3ª Vara da Comarca de Parauapebas em conjunto com a Polícia Militar, destruiu milhares de CDs e DVDs piratas apreendidos ao longo dos anos em Parauapebas.
A operação de destruição dos mesmos aconteceu nesta tarde de terça-feira (27) na Rua F e foi usado até um rolo compactador para a tarefa. Uma grande quantidade de populares presenciou o fato. A prática da venda de CD e DVD pirata é crime e está sendo coibida nacionalmente. A Justiça de Parauapebas dá, com essa ação, demostração que não permitirá tais atos em nosso município. Foto: Valter Desidério

7 comentários:

Anônimo disse...

Esforços como o da Juíza Andrea Silva Brito, mostram que a Justiça quando quer punir o faz exemplarmente. Pena que a Justiça só seja assim tão implacável com os mais fracos ( camelôs, vendedores ambulantes etc...).

Injustiçado disse...

É anônimo! Que o digam os Danieis Dantas da vida!

Waldyr Silva disse...

A destruição de CDs e DVDs piratas em plena via pública foi a última ação da juíza Andrea Silva Brito, pois a mesma estará deixando, ainda esta semana, a comarca de Parauapebas, segundo informações de servidor público do Forum local.

Zé Dudu disse...

É amigo Waldyr, A portaria 4.153 do TJ-PA de 29/7/2008 afirma que a Drª. Andrea deverá ficar ocupando o cargo até o retorno do titular, Dr. Gabriel Costa Ribeiro, que está exercendo a função de Juiz Eleitoral na Comarca de São Geraldo, devendo vir para Parauapebas assim que concluídas as eleições naquele município.

Anônimo disse...

É impressionante essa questão de DVDs piratas aq no Pebas. Uma vez ou outra, os "caras" efetuam umas apreeensões; mas só de vez em quanto. por que eles não executam um trabalho contínuo, já a PM fica o dia todo a poucos mts das "bancas" de DVDs na praça do Cidadão? Isso bate com a informação de que os "caras" recebem uma nota mensal para deixar a coisa rolar solta. Mas quando o pacote não sai, é apreeensão na hora.

Anônimo disse...

relaxa q no governo da Bel, os ambulantes terao uma espécie de camelódromo prá eles... e nao se esqueçam é 15 neeeles...ná época da Bel, ela nao deixava uma covardia dessas acontecer, q pirataria é ilegal nós sabemos, mas famílias sao sustentadas com esse dinheiro, virou uma questao social... ilegal por ilegal, mtas vans estao na mais terrivel precariedade e a justiça e nem o DMTT fazem nada..

Anônimo disse...

Um pouco atrasado, mas gostaria de apresentar algumas consideraçoes.
O desemprego nao provoca a priraria e sim o contrario, e hoje em dia é dificil encontar um profissional desempregado, mas muito facil encontrar um desempregado profissional. O pais sofre com a carencia de mao de obra, pois todos estao na estrada da pirataria, onde numa fuzarca mal delimitada trafegam diversas ilegalidades, tais como gtrafico de drogas, armas, contrabando, etc.