quarta-feira, 22 de outubro de 2008

PARÁ UNIDO CONTRA A DENGUE

A Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa) deseja envolver gestores municipais e população em geral numa campanha de controle da dengue no Estado do Pará. Trata se da regionalização da campanha apresentada pelo Ministro da Saúde, José Gomes Temporão.

"Pará Unido Contra a Dengue" é o slogan da campanha pela conscientização. O objetivo é alertar a população e mobilizar profissionais e agentes de saúde para identificar e eliminar os focos do mosquito, e evitar o aumento do número de casos, durante a estação das chuvas.

O trabalho será realizado em parceria com as demais secretarias estaduais e municipais, tal como: Secretaria de Educação, de Meio Ambiente, de Integração Regional, além de órgãos como os conselhos municipais de saúde.

Além disso, coleta de lixo e abastecimento de água devem ser regularizados em todo o Estado que são os eternos e grandes vilões do combate à dengue.

Até o início de outubro foram notificados 23.084 casos de dengue no Estado, sendo 75 casos de dengue hemorrágica com 15 óbitos confirmados por dengue no Pará.

Segundo o Sistema de Informação de Agravos e Notificações - Sinan, os municípios paraenses com maior número de casos são: Parauapebas (3.049), Belém (2.926), Santarém (2.138) e Conceição do Araguaia (1.455).

Para conter uma possível epidemia da doença em todo o estado, a Sespa já solicitou dos municípios prioritários a elaboração de um Plano Municipal de Contingência no Controle da Dengue. Neste documento, gestores municipais devem estipular como vai acontecer o fluxo de pacientes, criação de forças tarefa para enfrentar momentos de crise. Isso trará ações do Estado no sentido de evitar a proliferação da doença e preparar profissionais para um rápido diagnóstico e o correto tratamento dos pacientes.

Colaboração: Sespa

3 comentários:

Jorge G disse...

Evaldo se manterá no cargo para administrar essa empreitada contra a dengue?

Anônimo disse...

Plano Municipal de Contingência? a nossa Saúde é OPÇÃO e não direito, é esperar pra ver.

Anônimo disse...

o pará pode estar contra a dengue mas com certeza parauapebas esta do lado dela pois depois de tantas epidemias que nem sequer sao notificadas eles tem coragem de falar que os casos sao isolados. paciencia.....